sexta-feira, 7 de setembro de 2007

Tingimento de Peixes

A prática de colorir ou “tingir” os peixes artificialmente parece ser algo que torna-os espécimes muito atrativos, devido as suas variadas cores “fluorescentes.

O primeiro encontro com peixes tingidos remonta aos recentes anos 80. Milhares de Peixes Vidros (Parambassis Ranga), coloridos artificialmente, foram importados para o Reino Unido.
Parambassis Ranga tingido

O Peixe Vidro, assim chamado por causa de seu corpo naturalmente semi-transparente, obviamente se transforma em um “objeto” ideal a ser tingido. Nos mesmos, são aplicados sombras fluorescentes nas cores azul, vermelho, amarelo, laranja ou verde, produzidos através de tintas injetadas em seu corpo.
Ciclídeo Papagaio tingido

Para a aplicação da tinta, alguns Peixes Vidro são anestesiados com anestésico MS222 e observados através de um microscópio binocular. Tornou-se claro que a tinta não está na superfície do peixe, mas numa camada por debaixo da epiderme. Além disso, a tinta aparece fluida e poderia ser movida ligeiramente apertando com suavidade a área colorida de seu corpo. Isto nos prova que a tinta é injetada em vários locais sobre o corpo do peixe para formar os distintos padrões de cor, sendo cada peixe “colorido” individualmente, usando-se uma seringa e agulha.
Ciclídeo Papagaio tingido
Se considerarmos nosso tamanho, com o tamanho do peixe e a agulha utilizada nele, isto seria equivalente a recebermos várias injeções usando uma agulha do diâmetro idêntico a de um lápis. Isto nos mostra que o processo de tingimento causa altas taxas de mortalidades nos indivíduos submetidos, devido ser retirado a mucosa protetora do corpo dos peixes.
Mais de 40% dos Peixes Vidro pintados parecem sofrer do vírus Lymphocystis, uma doença que manifesta-se no crescimento de umas pequenas manchas ou pontos brancos no corpo e barbatanas do peixe. É possível que o processo de injeção aumente os riscos desta doença, talvez transmitindo o vírus de peixe para peixe através da agulha (a mesma agulha é usada para injetar dezenas ou até mesmo centenas de peixes).
Botia Modesta Tingida
Colaborando ainda mais, o stress causado pela injeção de tinta, pode diminuir a imunidade natural do peixe ao Lymphocystis. Deve ser dito que, em nossa experiência, esses Peixes Vidro que sobrevivem ao processo de injeção continuam a viver vidas relativamente normais, apesar da presença da tinta que possuem dentro dos seus corpos. Ainda vale a pena salientar, que esta tinta não permanece mais que três meses dentro do seu corpo.
Osphronemus goramy Kaleidoscópio (tingido)
Muitas pessoas acreditam que os peixes não sentem dor, e injeta-los com tintas é perfeitamente aceitável no ponto de vista dessas pessoas. De fato, evidências científicas sugerem que os peixes são realmente capazes de sentir dor, no entanto não temos nenhum modo de saber se eles percebem os eventos dolorosos da mesma maneira como nós o fazemos. Assim sendo, é provável que a injeção de tinta seja uma experiência dolorosa para os pobres Peixes Vidro.

Os Peixes Vidro não são a única espécie que é sujeita à coloração artificial, muitos tipos de peixes albinos, também são considerados ideais para se colorir.

Corydoras aeneus Tingida

A Coridora albina (Corydoras aeneus), o Barbo Tigre (Puntius tetrazona), o Labeo albino (Epalzeorhynchus frenatus), o Tetra preto (Gymnocorymbus ternetzi), o Apaiari albino (Astronotus ocellatus), o Peixe gato de vidro (Kryptopterus bicirrhis) e algumas espécies de Botias.
Normalmente estas espécies exibem cores em vermelho ou azul em algumas partes do corpo, mas as tintas não são tão luminosas ou fluorescentes quanto as que são injetadas nos Peixes Vidro.
Gymnocorymbus ternetzi tingido


A realidade deste processo pode ser resumida em poucas palavras:

Nascem 1000 peixes, 800 morreram...
Tudo por um pouco de cor!
80% dos peixes pintados ou tingidos morrem durante processo, ou um pouco depois dele...
97% das pessoas que compram peixes pintados ou tingidos nem imaginam como eles adquiriram essas cores...
Informe os retalhistas!
Boicote as lojas!
Todos nós podemos fazer toda a diferença...



Referência Bibliográficas:

www.practicalfishkeeping.co.uk

http://freshaquarium.about.com

www.petitiononline.com/fishtank/petition.html


Adaptado e traduzido por Ricardo Britzke
©
Copyright 2007 ©

9 comentários:

rєnαtinhα! disse...

Nossa,

Vivendo e aprendendo hein?!?

Não imaginava uma coisa dessas... Fica bonito, mas tadinhos dos peixinhos!!!

Beijos Ricardo!

Bom fds!!! =)

Osc@r Luiz disse...

Ora, meu amigo,
Problemas são problemas. Privilégios são privilégios.
Fazer parte da sua lista não é um problema, é um privilégio.
Vou fazer o mesmo e incluí-lo na lista dos meus dois blogs.
Obrigado pela gentileza.
Quanto ao post, faço minhas as palavras da Renatinha.
Também não podia imaginar.
Grande abraço e bom final de semana!

young vapire luke lestat news disse...

Desconhecia esta técnica de coloração de peixes.
É cruel e insana.

Vc sa be o nome da impresa que que trabalha com coloração de peixes ?
Caso saiba, mande-me o nome da empresa ...........



[]s L.Sakssida

young vapire luke lestat news disse...

Infelizmente nada podemos fazer sobre o caso, por tratar-se de empresas da Polinésia.

Só nos resta, criar uma estratégia de conscientização e boicote, aos produtos destas empresas.(grato pelo envio dos sites)

O caso foi denunciado a nossa
ONG-Feuer.

combatemos práticas de crueldade com animais.
vou mandar notícias em breve .

[]s L.Sakssida

Osc@r Luiz disse...

Alô parceiro,
Se não se importar, como o tingimento de peixes não é mais a bola da vez, vou postá-lo lá no By Osc@r Luiz, como alerta e ajudando a divulgar o boicote.
Um abraço.
Boa quarta pra você, Britzke.
Favoritei seu blog na Technorati também.

Ronald disse...

Cheguei até aqui através do Oscar Luiz pois sempre que ele recomenda um bom blog, pode ir que é certeza. Você nos brinda com ótimos artigos. Voltarei sempre...

ecocard casinos disse...

.. Seldom.. It is possible to tell, this :) exception to the rules

Anônimo disse...

Ja tem peixinhos desenhos de coração, love e letras iniciais do dono.

Luciane Stutz disse...

Compre esses peixinhos e achei lindo, ainda com a saquinho na mão fyi em outra loja p ver se tb tinha desse peixinho, pq na primeira só tinha os 4 q comorei. Na 2° loja não tinha os peixinhos, eu perguntei o nome dos peixinhos onde fui informada q era peixe de vidro injetados, o vendedor não me deu mas nenhuma informação. Fiquei com isso na cabeça mas não queria acreditar q alguem poderia injetar tintas nos peixes. Fui atrás de informações até q encontrei esta, q foi muito util e revoltante. Fiquei com muita pena dos meus peixinhos nao compro mais nenhum.