sexta-feira, 16 de novembro de 2007

Ameaça ao litoral brasileiro...

O desrespeito ao meio ambiente ameaça uma das mais belas riquezas do litoral brasileiro. O alerta está na reportagem de Francisco José e Antônio Henrique. Os recifes costeiros protegem as praias e formam as piscinas naturais. Quando a maré baixa, as ondas são contidas pelas pedras e surge um mar de tranqüilidade e beleza.

Recifes de coral
São três mil quilômetros de recifes costeiros, do sul da Bahia ao Maranhão. É o maior banco de corais do Atlântico Sul, mas este tesouro da natureza no litoral nordestino está ameaçado. E o maior predador é o homem. Nas últimas décadas, os corais estão desaparecendo por influência da pesca predatória e do turismo sem controle.
“No passado, a gente teve um processo de extração dos corais muito grande, que devastou muitas áreas de coral. Hoje a pesca também é muito intensa e termina sendo um problema, porque você desequilibra o ambiente”, explica o oceanógrafo Mauro Maida.

Praia da Reserva

A Reserva de Tamandaré têm menos de três quilômetros de extensão, mas a Reserva de Proteção Ambiental Costa dos Corais vai até a divisa com Maceió, incluindo todo o litoral norte de Alagoas. É a maior unidade de conservação marinha do Brasil, com 435 mil hectares. Mas nem toda área é fiscalizada.
As pedras ficam tão perto da superfície que podem ser atingidas pelas embarcações que levam turistas às piscinas naturais. O hidrocoral, também conhecido como coral-de-fogo, é tão frágil que pode ser quebrado facilmente.
Coral de Fogo
Pequenos peixes se protegem dos predadores entre os corais, que são urticantes e queimam a pele. O coral-cérebro só consegue se desenvolver em áreas preservadas. Os ouriços se alimentam de corais e evitam que turistas caminhem sobre estas formações frágeis e espinhosas.
Na Reserva de Tamandaré, os cardumes se reproduzem. Os pequenos peixes vivem lá protegidos. Quando crescem, partem para o alto-mar. Nesse mundo submerso, tudo depende da preservação da natureza para o seguimento do ciclo da vida.



Coral Cérebro

“Se nós pudéssemos montar uma política de proteção aos recifes e aplicá-la em todos os pedaços de litoral brasileiro, sem dúvida a gente teria uma recuperação muito grande do potencial pesqueiro do nosso mar”, acrescenta o oceanógrafo Mauro Maida.


Fonte: http://bomdiabrasil.globo.com/

Veja o vídeo: Click aqui

2 comentários:

Raoni Frizzo disse...

O Brasil sem dúvidas é um país farto de riquezas naturais. Chega a ser impressionate!

Mas o que me impressiona ainda mais é o cérebro de minhoca de alguns brasileiros. Qual o prazer em acabar e estragar reservas naturais como essa? Não é possível que uma pessoa não possa ter consciência de que está destruindo o que é dela própria. O que a natureza constrói, o homem destrói!

Parabéns pelo teu blog! É muito bacana ver um blog relacionado a natureza e preservação do ambiente. Show de bola!

Raoni
www.blogonews.blogspot.com

slim shady disse...

Realmente o Litoral de Recife é um dos mais belos do Brasil,assim como outros que não vem a cabeça,lugares tão lindos que estão se perdendo por causa de nós mesmo,e como já disseram acima "O que a natureza constrói, o homem destrói,infelizmente.

abraço !